esportes

Corinthians negocia condições para rescisão contratual de Cássio, que está irredutível sobre saída

Creditos: Terra Esportes

O
goleiro Cássio parece decidido a sair do Corinthians. Ele se reuniu com o presidente Augusto Melo e reforçou sua decisão de sair do clube. Cássio tem uma proposta de contrato de três anos do Cruzeiro e deseja uma liberação imediata do Corinthians. O Corinthians está discutindo as condições para a rescisão do contrato de Cássio, que vai até dezembro. Uma nova reunião com os agentes do jogador está prevista para esta tarde. A decisão de Cássio já foi tomada há alguns dias e foi comunicada à diretoria do clube na segunda-feira. Augusto Melo pediu uma conversa diretamente com o goleiro para tentar convencê-lo a ficar, mas o Corinthians ofereceu prorrogar o vínculo do jogador até 2026, que não seduziu Cássio. Ele reiterou que sua intenção de sair não tem relação com aspectos financeiros ou contratuais. Cássio foi reserva nas últimas seis partidas do Corinthians e já estava dando sinais de esgotamento. Ele é um líder do elenco e acaba sendo um escudo para os demais atletas em momentos críticos. Com a saída de outros líderes recentes, ele passou a ser ainda mais exigido em 2024. Atualmente com 36 anos, Cássio pensa em jogar mais três ou quatro temporadas e acredita que o fim da relação com o Corinthians será o melhor para ele e para o clube. Ele entende que a presença dele na reserva gera uma pressão extra sobre Carlos Miguel e que empurrar a situação até dezembro geraria ainda mais desgaste. Cássio é o jogador que mais defendeu o Corinthians com 712 jogos, atrás apenas de Wladimir, e conquistou vários títulos pelo clube.

Ver notícia completa...