economia

Fitch: decisões sobre política fiscal no Reino Unido são fundamentais para reduzir incertezas

Creditos: InfoMoney

A
Fitch, uma agência de classificação de risco, afirma que as decisões de política fiscal do Reino Unido continuam sendo importantes para reduzir vulnerabilidades nas finanças públicas britânicas no médio prazo. Embora um cenário macro moderadamente mais favorável e um desempenho orçamentário melhor do que o previsto possam aliviar pressões fiscais no curto prazo, as prioridades das políticas ajudarão a esclarecer se a consolidação fiscal será suficiente para reduzir riscos decorrentes de dívidas e custos de empréstimos elevados. A atividade econômica britânica se recuperou ligeiramente em novembro de 2023 e a taxa anual de inflação desacelerou significativamente em dezembro para 4%. Isso alimenta expectativas de que o Banco da Inglaterra (BoE) comece a reduzir juros antes do que se imaginava. No entanto, dados recentes do mercado de trabalho britânico, incluindo estimativas de uma taxa de desemprego mais baixa, podem estar refletindo pressões salariais persistentes e influenciar essas expectativas. De acordo com as projeções da Fitch, o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do Reino Unido deve desacelerar para 0,3% em 2024, apresentando leve recessão no período entre o último trimestre de 2023 e o primeiro deste ano. A Fitch prevê que o BoE começará a reduzir juros em agosto e que a inflação britânica permanecerá acima da meta oficial de 2% até o fim deste ano.

Ver notícia completa...