politica

Projeto que reonera folha de pagamentos repete texto da MP; Centrão já diz que não vai aceitar

Creditos: G1 Política

O
projeto de lei apresentado pelo governo Lula ao Congresso repete o texto e as regras da medida provisória enviada pela área econômica em dezembro do ano passado, gerando forte oposição de parlamentares e entidades. A base aliada de Lula, principalmente no Centrão, avisou que não aceita a mera repetição do conteúdo da medida provisória. Os líderes afirmam que estão dispostos a discutir uma retomada gradual da tributação sobre a folha de pagamentos a partir de 2027, quando se encerra a prorrogação aprovada por Câmara e Senado em 2022 e vetada por Lula. No entanto, o Congresso derrubou esse veto e retomou a prorrogação. No final de dezembro, a MP anunciada pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, anulou a prorrogação novamente. A medida provisória e o projeto de lei assinados por Lula na terça-feira são mais um capítulo desse vaivém. Lula assinou a revogação de um trecho da MP e manteve a desoneração de 17 setores da economia. Na prática, a medida provisória atual revoga o trecho da MP de dezembro que tratava da desoneração. E o projeto de lei reenvia esse mesmo trecho para análise do Congresso, agora com outro tipo de tramitação.

Ver notícia completa...

Mais notícias sobre politica
politica

Após Lula 'persona non grata', Brasil atua como intermediário distante para conter Israel

A diplomacia brasileira está atuando de forma distante e indireta na articulação para conter um contra-ataque de Israel contra o Irã, a partir das movimentações do fim de semana.No sábado (13), o Irã lançou mais de 300 mísseis e drones contra Israel '? e
Mais noticias para voce
geral

'BBB 24': 'Não gosto nem de olhar', diz Alane sobre imagens da sua eliminação do reality

Participante foi eliminada na noite deste domingo (14), na reta final do reality. Alane é a convidada do 'Mais Você', nesta segunda-feira (15)Reprodução/GloboplayAlane participou do café com o eliminado no 'Mais Você' na manhã desta segunda-feira (15